16 novembro 2015

O tempo é o melhor remédio

   Um coração que bate intensamente, descompassado, uma ânsia de algo novo, algo que espero, mas que nunca chega.
   Lembro-me de um tempo bom, em que eu sentia você, respirava por você. E sem nem mesmo perceber, um vazio tomou conta do meu ser, me sentia oca por dentro, faltava um pedaço de mim.
   Eu que era tão feliz, irradiava alegria e simpatia, me tornei uma pétala seca sem cor e sem vida. O medo de te perder era constante, eu me apegava as migalhas que me oferecia, tudo isso por medo de ficar sozinha, me faltava dignidade. 
   Pensei que não fosse possível, mas realmente o tempo cura, as feridas cicatrizam, hoje meu coração é blindado, as feridas me fizeram forte, tenho esperanças, tenho fé naqueles que me cercam, hoje meu coração transborda de amor próprio.

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

.